23 amostras aprovadas para D.O. 2011

23 amostras foram aprovadas em degustação realizada na Embrapa Uva e Vinho totalizando 544.785 litros

Dez vinícolas do Vale dos Vinhedos inscreveram amostras da Safra 2011 – sendo 20 vinhos e 6 base espumante -, para a Denominação de Origem Vale dos Vinhedos (D.O.V.V.). Foram aprovadas 23 amostras, de um total de 26 inscritas, após degustação realizada nos dias 5 e 6 de outubro no Laboratório de Análise Sensorial da Embrapa Uva e Vinho, segundo critérios do Conselho Regulador. O volume corresponde a 544.785 litros.

Entre as amostras aprovadas nove são de Merlot, cinco de Chardonnay, cinco de base espumante e quatro de assemblage tinto. Os vinhos foram inscritos pela Casa Valduga, Peculiare Vinhos Finos, Pizzato Vinhas e Vinhos, Terragnolo Vinhos Finos, Vinhos Don Laurindo, Vinícola Almaúnica, Vinícola Capoani, Cave de Pedra, Vinícola Dom Cândido e Vinícola Miolo.

A coleta desses vinhos foi feita nos dias 3 e 4 de outubro diretamente dos reservatórios nas vinícolas. Já a degustação sensorial ocorreu nos dias 5 e 6, com a participação dos pesquisadores da Embrapa Uva e Vinho, Mauro Zanus, Alberto Miele e Irineo Dall’Agnol; do presidente da Associação Brasileira de Enologia (ABE), Christian Bernardi e dos representantes da Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos (Aprovale), Ademir Brandelli, Gilberto Simonaggio, Márcio Brandelli e Flávio Pizzato.

O início do processo de certificação contempla a verificação de comprovação documental de produção e origem das uvas. Já, ao final do processo, as vinícolas que pleiteiam a D.O para seus produtos receberão junto com o certificado os relatórios das análises do Laboratório de Referência em enologia (Laren), de Caxias do Sul, e os resultados das análises fisico-químicas e das degustações sensoriais realizadas na Embrapa Uva e vinho. Este processo é realizado não apenas para comprovar o enquadramento no Regulamento de Uso da D.O.V.V., mas também configura-se em uma importante ferramenta de feedback para qualificação contínua  a ser utilizada pelas vinícolas participantes.

 

Volumes aprovados em litros

Merlot – 165.285

Chardonnay – 50.600

Base espumante – 108.900

Assemblage tinto – 220.000

TOTAL – 544.785

 

Texto: Conceito.com

Foto: Lucinara Masiero

Anúncios

Jantar Harmonizado Valle Rústico

No dia 28 de setembro o Restaurante Valle Rústico, do Vale dos Vinhedos, oferecerá Jantar Harmonizado com vinhos do Vale!


Os vinhos das vinícolas Aurora, Almaúnica, Don Laurindo e Pizzato serão harmonizados com os deliciosos pratos preparados pelo Cheff Rodrigo Belora no dia 28 de setembro, no Restaurante Valle Rústico.

Confira o cardápio:

Antepasto: Tábua de frios e pão caseiro na palha de milho, harmonizado com Almaúnica Brut 100% chardonnay;

Entrada: Salada do Cheff, harmonizada com Pizzato Chardnonnay 2010;

Prato principal: Fettuccini Verde ao molho de alho-poró e gorgonzolla e Steak de Frango ou vazio grelhado na brasa ao molho barbecue, harmonizado com Don Laurindo Reserva Tannat 2007;

Sobremesa: Brownie de chocolate, nozes e amêndoas com sorvete de creme, harmonizado com Aurora Espumante Moscatel.

Serviço

O que? Jantar Harmonizado no Restaurante Valle Rústico
Quando? 28 de setembro de 2011
Que horas? 20h00
Onde? Restaurante Valle Rústico, no Vale dos Vinhedos (confira o mapa em nosso site www.valedosvinhedos.com.br)

Valor por pessoa? R$ 63,00

Informações e reservas pelos fones (54) 3459-1162 ou (54) 8123-0080 ou pelo e-mail vallerustico@gmail.com

Acesse o site do Restaurante Valle Rústico e confira programação para o mês de setembro!

Um filó regado a vinhos finos

Se existia algo que os imigrantes italianos sabiam fazer muito bem, além de trabalhar, era se divertir em família. Nas noites de filó eles se reuniam para cantar, dançar, jogar carta, saborear produtos coloniais e, é claro, beber um bom vinho. Isso tudo poderá ser revivido no 1º Filó Vale dos Vinhedos, que acontecerá no dia 11 de junho no Salão da Capela das Neves – Linha Leopoldina – km 6, a partir das 20h, com a participação de 14 vinícolas.

Como nos velhos tempos, a receita é muita alegria e diversão. O Filó, que deverá se repetir de forma itinerante percorrendo as diversas comunidades que integram o Vale, tem o propósito de fortalecer os grupos sociais, buscando uma maior aproximação com a Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos (Aprovale). Aliás, foi também com este objetivo que a entidade criou a Diretoria de Relações Comunitárias, representada por Jandir Crestani, justamente para fortalecer o relacionamento com os moradores do Vale, apoiando e participando das ações locais. Os recursos provenientes da realização do Filó serão utilizados na criação da Associação Comunitária Vale dos Vinhedos.

Coordenado por Crestani, o Filó será animado pela Banda Rei Sol com participação de Lilian e Carina, mas a cantoria também estará presente na voz dos corais da região que estarão interpretando canções típicas em dialeto vêneto. O vinho brindará cada momento da festa e para isso 14 vinícolas que integram o roteiro já confirmaram participação, sendo elas: Aurora, Batistello, Casa Valduga, Cavas do Vale, Dom Cândido, Don Laurindo, Larentis, Lídio Carraro, Marco Luigi, Milantino, Miolo, Pizzato, Terragnolo e Torcello. “Este será um Filó regado a vinhos tintos, nos moldes do Vale dos Vinhedos”, comemora Jandir Crestani, que espera contar com a maciça participação das comunidades.

A programação inclui, ainda, um cardápio típico italiano com direito a copa, queijo, salame, cuca, pão colonial e grostoli. Isso sem contar o jogo de carta e mora. Os ingressos do evento podem ser adquiridos por R$ 16,00 na sede da Aprovale, diretamente com Jandir Crestani na Pousada Ca’Di Valle ou no local do evento. O 1º Filó Vale dos Vinhedos tem o apoio da Aprovale.

 

 

SERVIÇO

O que? 1º Filó Vale dos Vinhedos

Quando? 11 de junho de 2011

Onde? Capela das Neves – Linha Leopoldina km 6

Horário: 20h

Ingresso: R$ 16 por pessoa

Cardápio: copa, queijo, salame, cuca, pão colonial, grostoli e vinho

Animação: Banda Rei Sol com participação de Lilian e Carina

D.O. Vale dos Vinhedos é apresentada na Expovinis 2011

Com o processo em fase final para registro no INPI, a Aprovale fará a primeira apresentação pública e divulgará os rótulos que irão compor a que será a primeira Denominação de Origem de vinhos do Brasil  

A Expovinis Brasil 2011 será o palco para a apresentação ao mercado das regras e dos rótulos que irão compor a primeira Denominação de Origem (DO) brasileira. A ação visa informar ao público que estará no evento o que os aguarda quando a certificação for outorgada pela Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). Além da apresentação, a Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos (Aprovale) realizará um brinde no Brazilian Sparkling Lounge com os vinhos aprovados através dos procedimentos previstos na regulamentação da futura DO e que aguardam para serem disponibilizados ao mercado.

O terroir dos vinhos do Vale já é reconhecido  graças aos parâmetros de qualidade aplicados pelas vinícolas a partir da certificação da Indicação de Procedência. A DO, por sua vez, representará a evolução deste padrão, levando à público o potencial e a maturidade produtiva das vinícolas do Vale dos Vinhedos. O presidente da Aprovale, Rogério Carlos Valduga, que estará acompanhando as atividades, observa que, em função do público especializado que atrai, a participação na Expovinis terá grande importância na consolidação do Vale dos Vinhedos produtor de vinhos de alta qualidade. “A D.O. fortalecerá ainda mais a identidade dos vinhos elaborados no Vale dos Vinhedos, já reconhecida em 2002 no Brasil com a conquista da Indicação de Procedência Vale dos Vinhedos”, destaca.

Dirigida a jornalistas especializados e convidados, a apresentação das regras e dos vinhos que irão compor a D.O. Vale dos Vinhedos será realizada na terça-feira (26), na sala de programação paralela da Expovinis. No dia seguinte será a vez de reunir convidados vips em um coquetel no Brazilian Sparkling Lounge. Ainda no dia 27, o Vale marca presença no Curso de Degustação com Espumantes através do projeto Vinhos do Brasil. Entre os rótulos selecionados pela jornalista Silvia Mascella, que conduzirá este curso, está um com a futura D.O.

Aproveitando o evento, a Aprovale também estará lançando o Manual da Indicação Geográfica Vale dos Vinhedos. A iniciativa visa esclarecer e consolidar os conceitos de Indicação Geográfica (I.G.), Indicação de Procedência (I.P.) e Denominação de Origem (D.O.). Cabe destacar que esses conceitos na Europa já estão internalizados pelo mercado consumidor por serem utilizados há séculos, enquanto que no Brasil ainda são relativamente recentes, pois o reconhecimento da primeira I.G. ocorreu em 2002. Em uma linguagem simples e acessível, a publicação traz as regras da D.O. e os benefícios que o consumidor e também a comunidade do Vale dos Vinhedos ganham com a certificação.=

Já na feira de expositores, o Vale dos Vinhedos estará representado na Expovinis por sete vinícolas, sendo três com estandes próprios e quatro com estandes inseridos no espaço Vinhos do Brasil, coordenado pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin). São elas: Almaúnica, Casa Valduga, Dom Cândido, Don Laurindo, Marco Luigi, Miolo e Pizzato.

PROGRAMAÇÃO NA EXPOVINIS BRASIL 2011

Apresentação das regras e dos vinhos que irão compor a D.O Vale dos Vinhedos

Data: 26/4 – 3ª feira

Horário: 19h30

Participantes: jornalistas e convidados

Local: Sala de programação paralela

Coquetel no Brazilian Sparkling Lounge

Data: 27/4 – 4ª-feira

Horário: 18h30

Participantes: brinde com jornalistas e convidados vips

Local: Brazilian Sparkling Lounge

Curso de degustação com espumantes brasileiros

Data: 27/4 – 4ª feira

Horário: 16h

Local: Salas de programação paralela – Cursos de degustação Vinhos do Brasil

Participação na Feira

Vinícolas com estandes próprios: Miolo Wine Group, Casa Valduga e Pizzato Vinhas e Vinhos

Vinícolas com estandes no espaço Vinhos do Brasil: Almaúnica, Dom Cândido, Don Laurindo e Marco Luigi