Ação presenteia passageiros do Salgado Filho com vinho brasileiro

Ação no Salgado Filho - Crédito Mauricio Capellari (1)Promoção realizada em aeroporto de Porto Alegre (RS) contemplou 260 viajantes de dois voos. Durante a iniciativa foi gravado um vídeo, que foi divulgado nesta quinta-feira (29) nas redes sociais do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin)

O vídeo pode ser conferido no  https://www.facebook.com/vinhosdobr/videos/1469874289739900/

Uma iniciativa da Secretaria da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (Sedactel-RS) surpreendeu cerca de 260 pessoas que aterrissaram no aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre (RS), no dia 16 de junho. Em parceria com o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) – por meio do Fundo de Desenvolvimento da Vitivinicultura (Fundovitis) – e a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), passageiros de dois voos, de companhias nacional e internacional, foram presenteados com produtos vinícolas gaúchos.

Durante a ação de promoção, foi produzido um vídeo, que foi divulgado redes sociais do Ibravin, nas páginas “Vinhos do Brasil” e “Suco de Uva do Brasil”, no Facebook. A produção também poderá ser conferida em veículos oficiais de comunicação do Governo do Rio Grande do Sul.

Sobre a iniciativa
Ao se dirigirem à esteira de bagagens, os viajantes encontraram uma caixa personalizada com o nome da cada um, acompanhada de um cartão com a mensagem “Seja bem-vindo ao terroir dos melhores vinhos do Brasil. Desfrute da estação mais fria do ano em boa companhia. Um bom vinho, um bom inverno”. Dentro da embalagem, uma garrafa de vinho tinto de 375 ml e uma taça Vinhos do Brasil. Os passageiros menores de idade foram presenteados com suco de uva 200 ml. Os produtos foram cedidos pelas vinícolas Aurora (associada a Aprovale), Casa Perini, Casa Valduga (do Vale dos Vinhedos), Miolo Wine Group (do Vale dos Vinhedos), Nova Aliança e Pizzato Vinhas e Vinhos (do Vale dos Vinhedos).

Para o secretário estadual da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Victor Hugo Alves da Silva, a ação sintetiza os conceitos de hospitalidade e diversidade que norteiam a política pública de turismo no Rio Grande do Sul. “O enoturismo ocupa papel de destaque neste cenário, especialmente no período de outono e inverno”, destaca. O titular da pasta lembra que a diversidade está presente nos mais de 140 roteiros turísticos espalhados pelas 27 regiões e que a hospitalidade é marca de todos os gaúchos.

No terminal de desembarque, os passageiros foram recepcionados ao som da banda da Escola Pública de Música de Farroupilha.

FOTO: Mauricio Capellari

Fonte: Assessoria de Imprensa Ibravin: http://www.ibravin.org.br

Seja bem vindo ao inverno do Vale dos Vinhedos

Almir Dupont

Na estação mais fria os visitantes são recepcionados com grandes vinhos, gastronomia variada e espaços quentes e aconchegantes.

As baixas temperaturas do inverno são muito bem vindas pela comunidade e vitivinicultores do Vale dos Vinhedos. Além de todas as delícias e experiências que o frio proporciona, neste período as videiras precisam hibernar, armazenar energia para florescer na primavera com todas as forças. Este repouso vegetativo é fundamental para o cultivo da uva e tem grande influência na próxima vindima, por isso é esperado com ansiedade pelo produtor local.

Farina Park Hotel

A estação também é a mais movimentada do ano. Nesta época nossos visitantes buscam pelo aconchego dos hotéis, que agraciam seus hospedes com bebidas quentes e vinho regional, além de acenderem suas lareiras. A gastronomia regional harmonizada também é destaque e aquece os corações com referências a comida feita pelas nonnas e pelas mammas da região

Para aqueles que não temem o frio, as paisagens por vezes acinzentadas e cobertas de neblina são poéticas e inspiradoras. E os dias de sol convidam a esquentar o corpo em meio a natureza. As temperaturas nesta época podem variar entre -5° C e 23 °C na média, por isso é bom estar preparado. Para isso, as lojas de artigos em couro e artesanatos em lã prometem lindas peças para a estação.

 

 

Couros do Valleh - Coleção Merlot Vintage

O Vale dos Vinhedos recebe visitantes todos os dias do ano. No inverno não é diferente e a expectativa é receber cerca de 160 mil pessoas nesta estação.

 

Além das visitas tradicionais, é possível participar de atividades diferenciadas oferecidas em determinados atrativos. A programação já está no ar no site e no blog do Vale dos Vinhedos e vai sendo alimentada conforme o inverno vai se estabelecendo.

Delicie-se com o aconchego da estação e brinde o inverno no Vale dos Vinhedos.

Confira a programação diferenciada: www.valedosvinhedos.wordpress.com/inverno2017

Saiba mais sobre o Vale dos Vinhedos: www.valedosvinhedos.com.br

Fotos:
1 – Almir Dupont
2 – Farina Park Hotel
3 – Couros do Valleh

Brazilian sparkling wine, please!

Miolo 1

Three Wine Men indicam espumante Miolo com Denominação de Origem Vale dos Vinhedos para o verão europeu

Três dos mais influentes e reconhecidos especialistas em vinho e gastronomia na Europa acabam de indicar o Miolo Millésime Brut 2012 DO como um dos espumantes mais efervescentes para o verão europeu!Miolo 2

A lista foi divulgada durante o Let’s Get Fizzical, evento realizado no Reino Unido e encabeçado pelos ‘Three Wine Men’. Oz Clarke, conhecido por seu paladar e entusiasmo e considerado o escritor de vinhos mais popular na Grã-Bretanha; Tim Atkin, Master of Wine recentemente indicado entre os 5 especialistas em vinhos mais influentes do mundo; e Olly Smith, o Jolly Olly do Saturday Kitchen da BBC.

De acordo com Tim Atkin – MW, o Miolo Millésime Brut “é fresco, borbulhante e saboroso, com final cítrico”. Elaborado pelo Método Tradicional – com a segunda fermentação na garrafa – somente em safras excepcionais com as uvas Chardonnay e Pinot Noir, o espumante já havia conquistado o paladar de outro renomado inglês: o crítico Steven Spurrier o elegeu como o melhor espumante do Hemisfério Sul.

Adriano Miolo, superintendente da marca, explica que os espumantes Miolo “estão entre os rótulos brasileiros mais apreciados na Europa. É um mercado-foco para as exportações do grupo, onde é desenvolvido um trabalho consistente para conquistar cada vez mais os exigentes e criteriosos apreciadores europeus”.

O Miolo Millésime Brut possui a Denominação de Origem Vale dos Vinhedos, o que atesta que o produto possui características únicas da região onde é elaborado, o Vale dos Vinhedos, e que em nenhum outro local do mundo um espumante pode ter as mesmas características que os aqui elaborados. Este espumante único apresenta coloração amarelo palha com tons esverdeados e sua perlage é fina, abundante e persistente, expressando a alta qualidade do produto. Tem aromas de frutas cítricas, pera e abacaxi, e boa cremosidade. É perfeito como aperitivo ou mesmo desfrutado por si só.

A Miolo Wine Group tem sua sede localizada no Vale dos Vinhedos, onde possui 100 hectares com vinhedos próprios.

Fonte: CH2A Comunicação

No feriado de Corpus Christi venha para o Festival Emoções no Vale no Vale dos Vinhedos

029Dias 15, 16 e 17 de Junho, das 15h às 20h, múltiplas atrações e bons vinhos no Hotel & Spa do Vinho, no Vale dos Vinhedos.

Estendendo as celebrações do Dia do Vinho no Rio Grande do Sul, o Festival Emoções no Vale vem mais uma vez para abrilhantar o feriado de Corpus Christi no Vale dos Vinhedos.

Nos dias 15, 16 e 17 de junho, o visitante poderá conhecer o trabalho de mais de 30 vinícolas expositoras, apreciar diversas atrações no palco principal do Festival que conta com o charme do outono no Vale dos Vinhedos como pano de fundo.

O evento aberto ao público externo comercializará a taça convite pelo valor de R$ 30,00. O participante tem direito a livre degustação e pode levar a linda Taça do festival para casa.

O grande destaque do evento, que já é tradição na Serra Gaúcha, fica por conta da possibilidade de saborear rótulos ícones brasileiros e internacionais e conversar diretamente com os representantes de cada empresa, que ainda comercializarão seu rótulos para aqueles que tiverem interesse em adquiri-los.

Fumegantes Fondues de Queijo e Chocolate, servidos junto às grandes lareiras do Spa do Vinho serão opcionais que poderão ser adquiridos no dia do evento.

Adquira sua taça convite antecipadamente através do link: http://spadovinho.faceupp.net/index.php/publico/efetuar_compra/58

Deseja se hospedar no Spa do Vinho durante o Festival?
Aproveite o feriado para uma experiência inesquecível no Autograph Collection Hotel by Marriott. Completa infraestrutura de lazer, Culinária de Terroir e o exclusivo VINO.SPA, o refúgio ideal para casais e amigos que amam bons vinhos.
Valor válido para acesso em 01 dos dias do Festival.
Para mais informações e reservas, por favor contate reservas@spadovinho.com.br ou 54 2102.7200

SERVIÇO:
O que: Festival Emoções no Vale 2017
Quando: dias 15, 16 e 17 de junho
Horário: das 15h às 20h
Onde: Hotel & Spa do Vinho Condomínio Vitivinícola
Valor: Taça convite por R$ 30
Onde adquirir: http://spadovinho.faceupp.net/index.php/publico/efetuar_compra/58
Informações: 54.2102.7200 ou reservas@spadovinho.com.br

Cavalleri, Dom Cândido e Lídio Carraro representam o Vale dos Vinhedos na ExpoVinis 2017

FOTOS EXPOVINIS 2016A maior feira do setor na América Latina realiza sua 21ª edição de 6 a 8 de junho, em São Paulo

A 21º edição da Expovinis – Salão Internacional do Vinho já tem data marcada: de 6 a 8 de junho, no pavilhão Branco, no Expo Center Norte, em São Paulo (SP). Neste período será possível apreciar a qualidade crescente do vinho brasileiro através de 24 vinícolas nacionais expositoras na maior feira do segmento vinícola da América Latina.

Pela segunda vez, o ExpoVinis ocorre paralelamente à Feira Internacional de Produtos e Serviços para a Alimentação Fora do Lar (Fispal Food Service).

Dentre as vinícolas brasileiras, o Vale dos Vinhedos está muito bem representado através de três empresas com sede no coração de uma das regiões mais conhecidas no mundo para elaboração de vinhos. Adega Cavalleri, Lídio Carraro Vinícola Boutique e Vinícola Dom Cândido serão as representantes da região produtora nesta importante feira.

A única Denominação de Origem de Vinhos no Brasil, a Denominação de Origem Vale dos Vinhedos, também estará representada. A Vinícola Dom Cândido é uma das vinícolas do Vale que possuem rótulos certificados com o selo da D.O.V.V., reconhecimento que reforça a qualidade e originalidade do vinho elaborado, com características únicas desta região.

A presença verde-amarela na Expovinis tem apoio institucional do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), em parceria com a empresa promotora da feira, a BTS/Informa. A participação de 16 empresas brasileiras no evento é subsidiada pelo Projeto Sebrae Vitivinicultura nas Regiões Serra, Campanha e Fronteira Oeste, com apoio do Programa Juntos para Competir (Farsul/Senar-RS/Sebrae-RS).

FOTO: Studio F

Atrativos do Vale dos Vinhedos integram programação do Dia do Vinho

Dia do VinhoDe 19 de maio a 04 de junho visitantes e moradores locais poderão homenagear uma das bebidas mais amadas do Rio Grande do Sul, o vinho, em programações diferenciadas.

O Dia Nacional do Vinho é oficialmente comemorado no primeiro domingo de junho. Para celebrar esta data e toda a simbologia da bebida que tornou a Serra Gaúcha conhecida mundialmente, cinco municípios se integram para oferecer uma semana intensa de programações entorno a bebida dos deuses. Em mais de 200 ações, algumas delas realizadas no Vale dos Vinhedos, moradores locais e turistas poderão deliciar-se com eventos temáticos e programações voltadas ao mundo do vinho.

O Vale dos Vinhedos, região responsável pela elaboração de 17% dos vinhos finos e 12% dos espumantes nacionais , também comemora esta data especial com uma série de programações no período de 19 de maio a 04 de junho.

Além das visitas tradicionalmente realizadas na rota de enoturismo mais visitada do Brasil, destacam-se alguns eventos diferenciados. A tradicional Wine Run, meia maratona em meio às paisagens do Vale, será realizada no dia 20 de maio. Na noite do dia 20 de maio, a Festa Polenta & Vin, tornam a polenta e o vinho atrações especiais. Também tradicional, o Filó do Vinho no Hotel Villa Michelon acontecerá no dia 03 de junho na Casa do Filó.

A novidade deste ano é o evento Winery & Food, que acontecerá nos jardins da Cave de Pedra também em comemoração aos 20 anos da vinícola. Degustação de vinhos e venda com descontos especiais, música ambiente e food truck são algumas atrações do evento que será realizado no dia 03 de junho.

Oficinas gastronômicas, taças de vinho cortesia na refeição, drinks com vinho e espumante, drink truck,cursos de degustação e harmonização, passeios culturais, jantares harmonizados, degustações verticais e muito mais te esperam no Vale dos Vinhedos durante a programação do Dia do Vinho 2017.

A programação do Vale dos Vinhedos pode ser acessada em www.valedosvinhedos.wordpress.com/diadovinho

E a programação completa do evento pode ser acessada em: www.diadovinho.com.br

O Dia do Vinho é realizado pelo SEGH, IBRAVIN, Vinhos do Brasil e Governo do Estado do RS, com apoio de municípios e regiões produtoras de vinho. Patrocínio da Veralia.

MasterChef coloca vinho brasileiro em evidência na primeira prova externa

Time vermelho - Crédito Carlos Reinis, BandEpisódio gravado na Serra Gaúcha, com degustação de vinhos no Vale dos Vinhedos, teve como mote a harmonização de pratos com três rótulos verde-amarelos. Em passagem pela região, apresentadora e chefs-jurados do talent show elogiaram a produção nacional.

Um dos programas de entretenimento mais prestigiados e com maior índice de audiência da televisão brasileira mostrou na noite de terça (4) a qualidade e a diversidade da vitivinicultura nacional. O MasterChef Brasil exibiu, pela Band, a primeira prova coletiva fora do estúdio desta quarta temporada. E o local não poderia ser mais apropriado para elaboração de um menu harmonizado: os vinhedos da Serra Gaúcha, região responsável por cerca de 90% da produção no país.

Com articulação do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), o episódio gravado nos dias 4, 5 e 6 de março, levou aos municípios de Bento Gonçalves, Farroupilha e Pinto Bandeira os 20 competidores, os chefs-jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Érick Jacquin, a apresentadora Ana Paula Padrão, além de ex-participante, diretores e equipe técnica do talent show, que, juntos, somavam aproximadamente 80 pessoas.

Os chefs amadores tiveram como desafio o preparo de pratos que evocassem as culinárias italiana e alemã e que deveriam ser harmonizados com três rótulos verde-amarelos. Nos cardápios elaborados pelos times azul e vermelho para 80 convidados, o espumante Brut 130, da Casa Valduga, do Vale dos Vinhedos, acompanhou a entrada; o vinho tinto Reserva Merlot, da Vinícola Aurora, associada a Aprovale, o prato principal; e o espumante moscatel rosé Aquarela, da Casa Perini, a sobremesa. A trinca foi responsável por representar as regiões produtoras brasileiras e as mais de mil vinícolas existentes em todo território nacional. Atualmente, no país, cerca de 100 mil pessoas estão envolvidas com o setor.

Convidados - Crédito Carlos Reinis, BandOs vinhos utilizados na prova mostraram a pluralidade e versatilidade da vitivinicultura nacional: o espumante, que em sua categoria detém a preferência de consumo no mercado interno e é cartão de visitas internacional da produção brasileira; o tinto da variedade Merlot, considerada emblemática e uma das com a melhor adaptação ao terroir do país; e o Moscatel, outro produto de excelência e de crescente aceitação entre os consumidores dentro e fora do Brasil.

“Fazia cinco anos que não vinha para cá. Estou impressionada com a qualidade dos vinhos e da gastronomia. A cultura do vinho é muito pronunciada em toda a região”, revelou entre os intervalos das gravações a apresentadora do MasterChef Brasil, Ana Paula Padrão.

Para retratar a vitivinicultura nacional aos telespectadores do talent show, Ana Paula entrevistou o sommelier Maurício Roloff e os enólogos André Peres Jr, Eduardo Valduga e Franco Perini. O quarteto também foi incumbido de apresentar aos 20 competidores os rótulos da prova e dar dicas de como harmonizá-los com ingredientes da gastronomia típica da região. “A pessoa que tomou o vinho brasileiro há 10 ou 30 anos guarda na memória que o vinho brasileiro não era tudo isso, que talvez valesse a pena comprar vinhos importados. Hoje o vinho brasileiro é moderno, é fácil de beber, é fácil de combinar, tem muita diversidade”, disse em rede nacional o sommelier Maurício Roloff, que representou o Ibravin na ocasião.

Para o gerente de Promoção do Ibravin, Diego Bertolini, o respaldo conquistado é reflexo deTime azul - Crédito Carlos Reinis, Band investimentos e aprimoramento do setor, além de reconhecimentos nacionais e internacionais conquistados ano após ano. Só na última década foram mais de 2,5 mil condecorações em concursos no Exterior. “A repercussão do programa está sendo muito positiva, destacando e valorizando para todo o país a qualidade dos nossos produtos. A prova utilizou insumos locais e descomplicou a harmonização dos vinhos e espumantes, aproximando-os do consumidor, além de reforçar o enoturismo e a gastronomia da região”, avalia Bertolini.

Além do episódio gravado no interior do Rio Grande do Sul, os vinhos estarão presentes em toda quarta temporada de MasterChef Brasil. Uma adega instalada junto ao mercado utilizado nas provas pelos competidores, oferecerá diferentes variedades de rótulos para aproveitamento nas receitas.

Para conferir o programa na íntegra, basta acessar a página do MasterChef no YouTube: https://www.youtube.com/playlist?list=PL7HLCnqzgei8w0BZoPLxaoJYRjT_gIDPm

Fotos: Carlos Reinis / Band