Congresso Latino-Americano de Enoturismo tem mais de 200 participantes inscritos

cropped-condomc3adnio-vitivinc3adcola-spa-do-vinho.jpgAlém de brasileiros, evento realizado no Vale dos Vinhedos terá congressistas da Argentina e Uruguai.

A meta prevista pela organização do 7º Congresso Latino-Americano de Enoturismo já foi alcançada. Mais de 200 participantes da Argentina, do Brasil e do Uruguai, ligados diretamente ao setor vitivinícola e ao turismo, estarão reunidos de quarta-feira (27) a sábado (30), no Spa do Vinho Autograph Collection Hotel, no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS).

A abertura do oficial do Congresso será na tarde do dia 27, a partir das 13h30min, com as boas-vindas aos congressistas. Às 14h15min, Ivane Fávero, presidente da Associação Internacional de Enoturismo (Aenotur) – uma das entidades promotoras – contará o histórico e a concepção do evento e da própria instituição que preside.

O case do Vale dos Vinhedos, local escolhido para a realização da sétima edição do Congresso e que foi palco também do primeiro do encontro, em 2010, será apresentado, às 15h, por Deborah Villas-Bôas Dadalt, diretora de infraestrutura da Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos (Aprovale). Ela discorrerá sobre o pioneirismo da região no enoturismo.

Ao término, haverá uma pausa para que os congressistas possam torcer juntos pela seleção brasileira de futebol na Copa do Mundo. Uma estrutura, no próprio Spa do Vinho, estará à disposição para quem quiser assistir à partida entre Brasil e Sérvia. Ao final do jogo, haverá o Welcome Wine, na esplanada do Spa do Vinho.

O Vale dos Vinhedos também será uma das localidades que receberá uma das visitas técnicas do Congresso. Na tarde do dia 28, os congressistas que adquiriram o pacote especial almoçarão no Trattoria Mamma Gema, onde serão servidos vinhos da Denominação de Origem Vale dos Vinhedos. Após o grupo conhecerá a estrutura da Gasper Adventure Vale dos Vinhedos, onde participará de passeio de quadriciclo pelas trilhas do Hotel Villa Michelon. E para encerrar, realizarão uma visita técnica a Vinícola Almaúnica.

O Congresso Latino-Americano de Enoturismo é uma realização da Aenotur, do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Esta será a quarta vez que o evento é realizado na região. A primeira (2010) e segunda (2012) edições ocorreram em Bento Gonçalves. Já a terceira edição (2014) teve a programação distribuída nos municípios de Bento Gonçalves, Garibaldi, Flores da Cunha e Caxias do Sul.

SERVIÇO
7º Congresso Latino-Americano de Enoturismo
Quando: 27 a 30 de junho de 2018
Onde: Spa do Vinho Autograph Collection Hotel (Rodovia RS-444, km 21), em Bento Gonçalves (RS)
Programação completa: www.congressoenoturismo.com.br
Informações: recepcao@aconteceeventos.com.br

 

Foto: Acervo Spa do Vinho

Anúncios

Curso de degustação de vinhos com Denominação de Origem Vale dos Vinhedos é ofertado pela Miolo

Curso de degustação de vinhos com Denominação de Origem Vale dos Vinhedos é ofertado pela Miolo

Vinicola Miolo.jpgO curso especial tem o objetivo de apresentar as peculiaridades dos vinhos reconhecidos e proporcionar uma experiência única aos visitantes com um tour exclusivo.

A Miolo Wine Group é uma das vinícolas que mais participam do processo da Denominação de Origem Vale dos Vinhedos, única para vinhos do Brasil, cuja gestão é realizada pela Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos – Aprovale. O processo é bastante rigoroso, atesta a origem e peculiaridade, e avalia a qualidade dos vinhos tintos, brancos e espumantes de variedades que melhor se adaptaram ao local de origem.

Diante deste envolvimento e com o objetivo de sensibilizar o enófilo quanto à importância deste processo, a vinícola acaba de lançar um mini curso exclusivo sobre os seus vinhos que ostentam o selo da D.O.V.V. O curso acontecerá de segunda a sábado, a partir de 30 de maio, em dois horários diários: as 10h30min e as 14h30min. As visitas também serão dedicadas a pequenos grupos: cada horário terá 12 participantes apenas.

A programação contempla um roteiro diferenciado: inicia com um passeio pelos vinhedos, onde são apresentadas as variedades de uvas. Em seguida ocorre a visita pela vinícola, onde o processo de elaboração dos vinhos acontece. Do alto da torre da Miolo, com uma belíssima vista para o Vale dos Vinhedos, o visitante degusta o Millesime Brut D.O., eleito o melhor espumante do método champenoise do Hemisfério Sul. Nas caves, os anos de tradição e legado da família Miolo são apresentados com orgulho através de uma degustação do Merlot Terroir D.O., eleito melhor Merlot do Mundo em Londres. A degustação é realizada no acervo particular do Enólogo Adriano Miolo. A visita finaliza com a degustação de dois vinhos e dois espumantes em uma das salas de degustação.

Para participar deste mini curso, é necessário o investimento de R$ 60 por pessoa. As visitas iniciarão a partir de 30 de maio, e o agendamento prévio deve ser realizado através dos canais da Miolo: visita@miolo.com.br ou 54.2102.1537

 

PrintSobre a Denominação de Origem Vale dos Vinhedos
O Vale dos Vinhedos é a única Denominação de Origem para vinhos no Brasil e suas regras são bastante específicas, principalmente quanto aos cultivares autorizados e produtividade por pé e hectare. A qualidade dos produtos inscritos também é avaliada por um corpo especializado de degustadores. Ao adquirir um vinho com D.O.V.V., o consumidor leva pra casa um vinho com as características únicas do Vale dos Vinhedos e a certeza de qualidade.

As regras completas para a para a D.O.V.V. podem ser conferidas no site do Vale, neste link: http://www.valedosvinhedos.com.br/vale/conteudo.php?view=98&idpai=132

E a lista completa de vinícolas e vinhos que ostentam o registro, neste link: http://www.valedosvinhedos.com.br/vale/conteudo.php?view=97&idpai=132

Vale dos Vinhedos participa do Dia do Vinho 2018

Primavera Vale dos Vinhedos003 Fotos- Gilmar GomesEmpreendimentos da rota de enoturismo oferecerão atrações especiais no período

A lei que instituiu o Dia do Vinho no Rio Grande do Sul no primeiro domingo de junho de cada ano, foi promulgada em 12 de dezembro de 2003. Apesar de ser uma lei do Rio Grande do Sul, o amor do brasileiro pelo vinho vem crescendo, e a união das regiões produtoras propiciou à criação de uma semana inteira de programações especiais alusivas a bebida dos deuses. Apesar de levar o nome de “Dia do Vinho”, em 2018 serão duas semanas de programações especiais, com mais de 300 atrações simultâneas realizadas em três regiões do Brasil.

E o Vale dos Vinhedos, pioneiro em produção de vinhos no Brasil e única Denominação de Origem para a bebida no país, não podia ficar fora dessa festa. Por aqui o vinho é o astro principal e o combustível para inúmeras outras atividades ligadas ao enoturismo, que também rendem suas homenagens durante a programação, que vai de 18 de maio a 03 de junho.

Dentre as atividades especialmente pensadas para o período no Vale dos Vinhedos, destacam-se o tradicional Filó do Vinho, no Hotel Villa Michelon, o Festival Emoções no Vale, no Hotel & Spa do Vinho, o Festival Polenta & Vin, realizado pelo Circolo Trentino di Bento Gonçalves e a Wine Run. Piqueniques, cursos de degustação e harmonização, degustações às cegas e orientadas, harmonização ao pôr do sol, jantares harmonizados e passeios de quadriciclo são outras modalidades que podem ser apreciadas pelos visitantes. No período também estão previstos lançamentos de vinhos e cardápios harmonizados. Para aproveitar a programação, hotéis e pousadas já estão realizando reservas para o período, alguns com atrativos diferenciados também inspirados no vinho.

A programação completa do Vale dos Vinhedos pode ser conferida no link: www.valedosvinhedos.wordpress.com/diadovinho2018

E a programação completa para o Dia do Vinho 2018 conferida no site oficial do evento: www.diadovinho.com.br

Banner

Sobre o Dia do Vinho
O Dia do Vinho é realizado pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), por meio do projeto Vinhos do Brasil e Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação do Rio Grande do Sul (Seapi-RS), e pelo Sindicato Empresarial de Gastronomia e Hotelaria (Segh) – Região Uva e Vinho, como resultado do Projeto Eventos Integrados e Integradores – reinterpretação da concepção de evento, fomentado pelo Ministério do Turismo. A lei que instituiu o Dia do Vinho no Rio Grande do Sul no primeiro domingo de junho de cada ano foi promulgada em 12 de dezembro de 2003. O projeto partiu do então deputado estadual Iradir Pietroski.

Vale dos Vinhedos se prepara para mais uma Vindima

Gilmar Gomes.jpgA colheita da uva é a época mais esperada do ano. Somente neste período o Vale dos Vinhedos espera receber mais de 90 mil visitantes. (Foto de Gilmar Gomes)

A colheita da uva é mais do que uma simples safra de um fruto em nossa região. Na Serra Gaúcha a Vindima é um momento de celebração e homenagem aos antepassados imigrantes italianos, que tinham no cultivo das videiras e na elaboração do vinho a sua subsistência. Mais do que isso, o cultivo da uva e a elaboração do vinho eram motivo de união entre as famílias, sinônimo de vitalidade, de renovação, festa e esperança.

Passados 142 anos da chegada do primeiro imigrante italiano no Vale dos Vinhedos, a tradição se mantém tanto na colheita, quanto na elaboração do vinho e nos festejos que envolvem este processo. O vinho por aqui continua unindo famílias, sendo a principal bebida nos momentos de festa e por vezes alento nos dias que não são tão bons. Mas a atividade continua sendo principalmente o sustento de mais de 400 famílias e o gerador de mais de 2000 empregos diretos e indiretos.

É verdade que por aqui se vive a Vindima o ano inteiro, afinal a videira dispensa de atenção nas quatro estações do ano, mas o momento de acarinhar os cachos que originarão os vinhos da safra é único, vivido por todos com muito entusiasmo. Por isso, com muita ansiedade, comunidade, viticultores, vinicultores e visitantes se unem nesta celebração da colheita, que em 2018 oficialmente acontecerá de 18 de janeiro a 18 de março.

cropped-espumante-vale-dos-vinhedos.jpgFoto de Gilmar Gomes

Expectativas para a safra 2018 no Vale dos Vinhedos

Os amantes do vinho já sabem: a colheita da uva é a colheita das joias que originarão os vinhos da safra. Ali naqueles cachos de uva estão às expectativas geradas ao longo de um ano inteiro de trabalho no campo e são elas as responsáveis pelos sabores, aromas e experiências obtidas em cada taça de vinho ou espumante. Elas carregam em seu DNA as características climáticas e de solo de cada parcela de terra desta região, mas principalmente o saber fazer de quem vive por aqui. Isto qualifica todos os vinhos como únicos em qualquer pedacinho do Vale.

Segundo o Diretor Técnico da Aprovale e Presidente do Conselho Regulador da Indicação Geográfica Vale dos Vinhedos, o enólogo Daniel de Paris, ainda é um pouco cedo para termos certeza pois dependemos da natureza, mas tudo indica que a safra 2018 será muito boa. “Uma safra de uvas com teor de açúcar elevado, acidez equilibrada, taninos de uvas maduras e de boa qualidade que originarão vinhos aptos para o envelhecimento. Se tudo continuar correndo bem, teremos merlots fantásticos, chardonnays de excepcional qualidade, oriundos de uma safra espetacular.”

Conhecido mundialmente como uma das principais regiões produtoras de vinho no mundo e referência em enoturismo no Brasil, o Vale dos Vinhedos também é a única Denominação de Origem de Vinhos do país. Com regulamento bastante específico, apenas vinhos que se destacam pela qualidade e tipicidade podem carregar esta distinção. Daniel destaca que os consumidores podem esperar grandes vinhos da safra 2018 no Vale dos Vinhedos de uma maneira geral, e muitos destes aptos a pleitear a Denominação de Origem. “O consumidos pode esperar vinhos de excepcional qualidade elaborados no Vale dos Vinhedos. Vinhos com todo o diferencial que a região oferece, que carregam consigo todo o amor, empenho e trabalho de cada agricultor, vinicultor e enólogo.”

cropped-04.jpgFoto de Merlo Fotografia

O Vale dos Vinhedos apresenta a programação para a Vindima 2018

Este momento tão importante por aqui nunca passa em branco. Os mais de 50 empreendimentos voltados ao enoturismo, o turismo do vinho, se preparam para receber o visitante com diversas experiências inesquecíveis, inspiradas na colheita da uva.

O destaque da programação são as festas de colheita, que colocam o visitante em contato direto com o processo e relembram as tradições antigas da pisa da uva, processo utilizado pelos primeiros imigrantes italianos na elaboração do vinho e o merendin, um lanche farto com ingredientes regionais servido nos parreirais. Piqueniques, cursos de degustação e harmonização continuam no cardápio desta festa, acompanhados pelas degustações verticais e harmonizações com vista para os parreirais, apresentando o vinho e sua versatilidade nas mais diversas propostas.

Complementam a programação eventos esportivos como a Maratona do Vinho e a La Sfida Vindima. Mas a grande alegria deste período é poder presenciar o processo de colheita no dia a dia do Vale dos Vinhedos: entre uma visita e outra a uma vinícola ou agroindústria, uma refeição em um dos restaurantes e aproveitando a infraestrutura dos meios de hospedagem, poder sentir o aroma da uva no ar, ver os tratores e a comunidade em meio as videiras e o verde da nossa paisagem contrastando com os tons variados de vinho dos cachos de uva, é sem dúvidas o grande diferencial do período.

A programação oficial da Vindima no Vale dos Vinhedos pode ser acessada no site www.valedosvinhedos.wordpress.com/vindima2018

 

Brinde o final de ano com espumantes do Vale dos Vinhedos

Espumante Vale dos Vinhedos
Foto: Gilmar Gomes / Aprovale

O encerramento do ano é um motivo mais do que especial para brindar e festejar. Valorizado pelo brasileiro, o período inicial do verão, as temperaturas altas e agradáveis e as ceias típicas de Natal e Reveillon, convidam a degustar e brindar com bebidas geladas e festivas. E nada combina mais com este clima do que o espumante.

O Vale dos Vinhedos é uma das principais regiões produtoras de vinhos e espumantes no Brasil. Por aqui estão sediadas 23 vinícolas que respondem por 12% da produção de espumantes nacional. Os perfis são variados: há vinícolas familiares, com elaboração limitada e venda exclusiva em seu varejo, como também grandes empresas com presença internacional. Esta mesma diversidade encontra-se na carta de espumantes ofertados. Brut e Moscatel continuam sendo as queridinhas do público consumidor: a primeira por sua versatilidade e a segunda por sua doçura. Mas outras interessantes opções se apresentam ao mercado, para agradar os mais variados paladares. Destacamos o espumante rosé, que além de deliciosa, enche os olhos com o seu colorido na taça.

Além da gama variada de produtos ofertados, o Vale é a única Denominação de Origem de vinhos no Brasil (D.O.V.V.). Este reconhecimento também engloba os espumantes elaborados por aqui, com regras bastante específicas previstas em regulamento de uso, que atestam a qualidade e a tipicidade da bebida. As inúmeras regras para se ter um espumante com este selo são atestadas por um Conselho Regulador, por análises laboratoriais e por degustação as cegas. Para identificar o espumante ou vinho que passou por todo este processo, basta procurar por este selo no rótulo.

Print

Para você não perder tempo procurando pelo espumante ideal para a sua festa diante de tantas informações e opções existentes, nós preparamos uma lista muito especial desta bebida dos deuses, com a qualidade que só o Vale dos Vinhedos pode lhe oferecer. E o melhor? Com valores diferenciados e descontos especiais para compras e maior quantidade. Confira e faça o seu pedido:

Espumante Brut Cave de Pedra. Este possui a Denominação de Origem Vale dos Vinhedos Cave de Pedra
Elaborado pelo método Tradicional, tem maturação de 36 meses em caves subterrâneas.
Na degustação, apresenta notas de frutas secas como damasco e passas. Cremoso em boca, possui perlage fino e persistente. Um dos espumantes que ostentam a Denominação de Origem Vale dos Vinhedos, foi medalha de Ouro no concurso nacional do Espumante Brasileiro ocorrido em 2017.
Este espumante pode ser adquirido no varejo da vinícola Cave de Pedra, no Vale dos Vinhedos, por R$ 76,00 a garrafa. A partir de 6 unidades, desconto especial. A vinícola entrega o seu pedido em qualquer lugar do Brasil (com valores diferentes de frete para cada estado). Para adquirir, entre em contato pelo e-mail vendas@cavedepedra.com.br.

 

Espumante Brut Vinhos LarentisLarentis
Elaborado apenas com a variedade Chardonnay e pelo método Charmat, passa 3 meses de autólise. Possui cor amarelo claro com um aspecto límpido e brilhante. Apresenta uma complexa e agradável gama de aromas frutados, com uma acidez equilibrada, bom corpo e um final de boca agradável. Perlage tem borbulhas intensas, finas e persistentes, deixando uma leve e brilhante coroa.
O preço de venda no varejo da Vinhos Larentis é de R$ 48,00 a garrafa. Pode também ser adquirido na loja virtual, neste link: https://loja.larentis.com.br/
Ou entre em contato com a Larentis no (54)3453.6469 ou pelo e-mail larentis@larentis.com.br

 

Don Laurindo Espumante Branco BrutDon laurindo
Este espumante assinado pelo enólogo Ademir Brandelli, é elaborado com 70% de Chardonnay e 30% de Riesling Itálico, provenientes dos vinhedos da própria vinícola, conduzidos em espaldeira simples. Elaborado pelo método tradicional, apresenta cor amarelo esverdeado, com perlage fina e persistente. Fino, intenso, agradável, frutado e floral na avaliação olfativa, possui suave textura, é leve, macio e com final agradável em boca.
No varejo da Don Laurindo, cada garrafa pode ser adquirida por R$ 70,00. Você pode fazer o seu pedido também no site www.donlaurindo.com.br ou pelo fone (54) 3459.1600.

 

Espumante Documento Brut Dom CândidoDom Cândido
Elaborado pelo método tradicional e com uvas Chardonnay do Vale dos Vinhedos, envelhece em contado das borras (leveduras) por um período de aproximadamente 18 meses. Límpido, apresenta coloração amarelo palha com traços esverdeados, perlage fina e persistente. Este espumante apresenta notas de especiarias delicadas como amêndoas e flores secas. Possui um fundo amanteigado, tem excelente volume na boca, com acidez equilibrada.
No varejo da Dom Cândido no Vale dos Vinhedos, este espumante sai por R$ 90,00 a garrafa. Você pode também adquiri-lo na loja virtual, no seguinte link: http://www.domcandido.com.br/loja/linhas/documento ou com a Liliane e o Fabiano no (54) 2521.3500.

 

Lidio Carraro Dádivas Brut Blanc de BlancLídio Carraro
Com filosofia purista de mínima intervenção para a máxima expressão natural do vinho, a Lídio Carraro nos apresenta este espumante refinado de perlage fino e abundante. Aromas de frutas cítricas e tropicais, notas de flores brancas. Refrescante, paladar delicado, com boa cremosidade e persistência final.
O valor deste espumante é de R$ 59,90 a garrafa. Na compra de 03 caixas, ganhe frete grátis. Retirando na Boutique no Vale dos Vinhedos, ganhe um vinho Lidio Carraro Agnus Merlot. Promoção válida para todo o mês de dezembro/2017 e janeiro/2018.
Para adquirir o espumante, basta contatar a Lídio Carraro no (54) 2105.2552; (54) 2105.2599 ou atendimento@lidiocarraro.com

Vallontano Brut RoséVallontano
Elaborado com 40% de Chardonnay, 30% de Pinot Noir e 30% de Riesling Itálico, esse espumante é o mais vendido no varejo da Vallontano Vinhos Nobres. Cheio de classe, sensualidade e elegância, a sutileza de seus aromas e a riqueza de seus sabores expressam o que há de melhor em terras brasileiras. A qualquer hora do dia ou harmonizado com frutos do mar e queijos suaves, o espumante rosé é uma ótima pedida.
No varejo da Vallontano Vinhos Nobres no Vale dos Vinhedos, este espumante sai por R$ 55,50 a garrafa.
Pode ser adquirido no site da vinícola www.vallontano.com.br e também por telefone, com a Jaqueline: (54) 3459.1006

 

Espumante Fausto Brut Rosé Pizzato Vinhas e VinhosPizzato
Elaborado pelo método tradicional e com uvas provenientes de Doutor Fausto, tem por objetivo ser um espumante de médio amadurecimento sobre as borras (sur lattes), mantendo um caráter jovial, fresco, com muita fruta e floral. De cor rosada média, possui perlage fina.
No varejo da Pizzato Vinhas e Vinhos no Vale dos Vinhedos, este espumante reconhecido pelo Guia Adega e pelo Descorchados com notas entre 89 e 90 pontos, sai pelo valor de R$ 50,00 a garrafa, com descontos especiais para compras em volume.
Orçamentos e pedidos podem ser realizados nos e-mails pizzato@pizzato.net ou juliana@pizzato.net. Também nos fones (54) 3055.0440 ou (54) 99676.7044

 

Vinho Espumante Natural Brut Rosé TorcelloTorcello
Da safra 2016 e assinado pelo vinhateiro Rogério Carlos Valduga, este espumante é elaborado pelo método Charmat e contêm 60% de uvas Chardonnay e 40% de uvas Pinot Noir. Frutado, lembra romã, maçã vermelha e ameixa. Bastante intenso e agradável, no paladar apresenta refrescância, seguindo para um final de boca macio e suave, bastante equilibrado e cremoso.
Este espumante pode ser adquirido no varejo da Vinícola Torcello, no Vale dos Vinhedos, por R$ 65,00 a garrafa. Também no site, neste link: www.torcello.com.br
Ou faça seu pedido por e-mail ou telefone: torcello@torcello.com.br / (54) 3459.1164.

 

Espumante Aurora Moscatel BrancoAurora
Este exemplar da famosa Vinícola Aurora é elaborado com uvas Moscato Bianco e Moscato Giallo provenientes de Bento Gonçalves. É doce, delicado, apresentando grande equilíbrio entre doçura e acidez. Apresenta aromas adocicados, com notas florais e de mel. TOP 100 do Mundo 2014 e 2016 pela WAWWJ – Associação Mundial de Jornalistas e Escritores de Vinhos e Licores. Em varejo pode ser adquirido por R$ 26.80 a garrafa.
Você pode fazer o seu orçamento através do turismo@vinicolaaurora.com.br ou do fone (54)3455.2095

 

Espumante Moscatel Rosé da Vinhos Titton Titton
Este espumante suave, de coloração rosada clara, possui aroma adocicado e frutado que lembra frutas frescas. Possui graduação alcoólica de 7,5% vol. e fica uma delícia quando consumido bem gelado, entre 4° C e 6° C.
Valor da venda no varejo é de R$ 28,00 a garrafa. Você também pode fazer o seu pedido no (54)3453.1886 ou pelo e-mail vinhostitton@vinhostitton.com.br com Eliane ou Luana

 

Tecnovitis 2017, o maior encontro do setor vitícola do Brasil

Tecnovitis

A 2ª edição da Feira de Tecnologia para a Viticultura, será realizada A 2ª edição da Feira de Tecnologia para a Viticultura, será realizada No Vale dos Vinhedos no mês de dezembro

A região da Serra Gaúcha é referência nacional na vitivinicultura e Bento Gonçalves é reconhecida como uma das mais expressivas produtoras de vinhos do país.  Para traduzir em números, estamos falando de aproximadamente 15 mil áreas produtoras de uvas no Estado e, segundo o Cadastro Vitícola, pouco mais de 10 mil estão concentradas na Serra Gaúcha. São mais de 40 mil hectares de áreas de vinhedos produtivos. Até o último estudo, publicado no ano de 2015, são mais de 160 cidades produtoras de uvas no Estado. Na safra de 2017, foram processados mais de 753 milhões de kg de uvas no RS. “Nossa expectativa é muito positiva, estamos trabalhando para receber cerca de 20 mil visitantes, pois o evento será de integração, comercialização e muito conhecimento aos nossos viticultores do estado e outras regiões do país”, destaca Elson Schneider, o presidente do Sindicato Rural da Serra Gaúcha, promotor e realizador do evento.

SOBRE A FEIRA

A feira acontece de 06 a 08 de dezembro de 2017, das 10h às 18h, em uma área superior a 25 mil metros quadrados, no coração da região produtora e em uma das regiões vitivinícolas mais conhecidas do país, o Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves – RS. A visita, em um fluxo orientado, inicia pela área coberta, com fornecedores de pequenos materiais, equipamentos e a produtores da agroindústria familiar. Seguindo para a Área 2, chamada de Parreiral Demonstrativo, onde serão apresentados os tratamentos realizado nos vinhedos, além de um modelo para o depósito de defensivos agrícolas. Na Área 3, além das entidades parceiras, o espaço de alimentação, descanso e sanitários. Na Área 4, visita ao Parreiral Modelo, seguido do espaço de exposição dinâmica de máquinas e implementos. Por fim, a Área 5 terá a concentração maior de expositores, com máquinas e equipamentos, casas agrícolas e demais fornecedores da cadeia de cultivo da uva.

O evento é gratuito e não requer cadastro antecipado. Informações adicionais pelo site: http://www.tecnovitis.com.br, pela página da feira no Facebook/Tecnovitis, ou pelo e-mail contato@tecnovitis.com.br.

PROGRAMAÇÃO PARALELA

– Seminários Técnicos e Palestras: fazem parte da programação paralela do evento os seminários técnicos e palestras. Os assuntos abordados são diversos: legislação e registro do vinho colonial; simples nacional; legislação da vitivinicultura; boas práticas e manejo de agrotóxicos na viticultura; PAS e PIUP; produção orgânica e biodinâmica; pulverização; modernização e logística da colheita; segurança do trabalho; e diversas temáticas práticas do dia a dia do viticultor.

A programação completa do evento e inscrições para cada palestra podem ser acessados e realizados no site: https://www.tecnovitis.com.br/programacao

– Audiência Pública: 08/12/2017, sexta-feira, 14h às 16h. Informações com Elson Schneider (54) 3702 2217.

Maiores informações sobre o evento com Paula no (54) 99975 7968.

Primeira edição do Despertar do Vale é sucesso

Naiára Martini (27)Evento realizado no final de semana superou expectativa da organização e do público presente

O Despertar do Vale, evento promovido pela Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos – Aprovale aconteceu no último final de semana, dias 23 e 24 de setembro, e já deixa saudades.

Com o objetivo de abrir a primavera reunindo empresas e produtos do Vale dos Vinhedos em uma mini feira a céu aberto, o evento recebeu nos dois dias aproximadamente 2300 pessoas que degustaram e adquiriram produtos variados em um ambiente descolado em meio a natureza.

Naiára Martini (3)

A estrutura montada no jardim do Hotel Villa Michelon abrigou mais de 30 expositores que ofertaram seus produtos das 11h às 19h em ambos os dias de evento. Vinícolas, restaurantes, artesanatos, agroindústrias e acessórios de empresas parceiras da Aprovale tornaram o Despertar do Vale um sucesso, coroado com alegria pelo show do Farina Brother`s.

Segundo Avelino Zanetti Filho, organizador do evento e vice-presidente da Aprovale, o Despertar do Vale foi um sucesso. “Vimos pessoas felizes e leves ao redor do vinho, da gastronomia e dos demais expositores. Estamos cientes que o Despertar do Vale marcará história nos eventos da região assim como na integração da comunidade”.

Naiára Martini (34)
Valdir Espinosa esteve presente nos dois dias do evento, e prometeu retornar em 2018.

Lucimar Roncaglio, organizador do evento e diretor de enoturismo da Aprovale complementa que o Despertar é uma nova opção de diversão no Vale dos Vinhedos. “Uma opção descontraída e despojada para apreciar vinho, gastronomia e música boa. Sendo uma ótima alternativa para rever amigos e aproveitar momentos únicos em uma das regiões vitivinícolas mais prestigiadas do país”.

Márcio Brandelli, presidente da Aprovale afirma que a segunda edição do Despertar do Vale tem previsão de ocorrer em março de 2018, como encerramento da Vindima. “A segunda edição terá um nome diferente e será inspirada na vindima, a época da colheita. Mas vem com o mesmo espírito de cooperação e alegria presenciado no Despertar do Vale, realizado no último final de semana.”

O Despertar do Vale foi realizado pela Aprovale, com apoio do Hotel Villa Michelon, Sicredi, Limpacto, Boccati, Elo, Tramontina, SEGH, Mídiasul, Giordani Turismo, Fruki, Água da Pedra, Destemperados, Ibravin, Secretaria de Turismo de Bento Gonçalves, Secretaria da Saúde de Bento Gonçalves, Subprefeitura do Vale dos Vinhedos, Bento Convention Bureau, Brigada Militar – 3° BPAT e 6° B COM – Batalhão Ernesto Geisel.

Foram expositores: Pizzato Vinhas e Vinhos, Vinícola Torcello, Peculiare Vinhos Únicos, Miolo Wine Group, Vinícola Almaúnica, Vinícola Dom Cândido, Vinhos Don Laurindo, Vinhos Larentis, Lídio Carraro Vinícola Boutique, Casa Valduga e Terragnolo Vinhos Finos. Biscotteria Itallinni, Dolcetto do Vale, Atelier Refúgio da Colina, Famiglia Tasca, Queijaria Valbrenta, Moinho Graciema, Devorata Trufas Artesanais, Casa Madeira, Kelly Araldi Design, Leve Serra Gaúcha, Boccati, Tenda da Saúde, Tramontina, Restaurante Valle Rustico, Trattoria Mamma Gema, Giordani Gastronomia Cultural, Alitália Posto Per Mangiare, Osteria Del Valle e Food Truck do Tiago.

Fotos: Naiára Martini