Vale dos Vinhedos bate recorde de visitantes em 2016

naiara-martini-11Ano foi de aumento do turismo interno e busca por experiências

O Vale dos Vinhedos é um destino diferenciado de turismo no Brasil. País de clima tropical onde as praias são a grande atração tanto para público nacional quanto para estrangeiros, o enoturismo – o turismo do vinho – é novidade e surpreende.

Berço da vitivinicultura no Brasil, a Serra Gaúcha cultiva a uva e elabora o vinho desde a chegada dos primeiros imigrantes italianos, por volta de 1875. A atividade que passou de geração para geração, teve sua origem na elaboração artesanal para consumo próprio, desenvolvendo-se até o surgimento de vinícolas que conquistaram mercados, algumas delas com renome internacional.

naiara-martini-7A curiosidade envolvendo a elaboração deste produto requintado – o vinho – em terras brasileiras, incentivou também o desenvolvimento da atividade turística, permitindo que pequenas e grandes vinícolas abrissem suas portas para um novo nicho de mercado. Por volta de 1995 a atividade passou a se profissionalizar, e de maneira crescente o Vale dos Vinhedos passou a diversificar sua oferta, qualificar sua mão de obra e conquistar seus visitantes com experiências ao longo das quatro estações do ano.

Em 2016 o Vale dos Vinhedos chegou ao ápice, registrando mais um recorde no número de visitantes recebidos. Foram 410.149 visitantes contabilizados de 01 de janeiro a 31 de dezembro de 2016. Visitantes estes que puderam vislumbrar ao longo dos quase 50 km de estradas, mais de 60 empreendimentos variados além de paisagens estonteantes bordadas por videiras.

Segundo os dados coletados, este número representa um aumento de 3% em relação a naiara-martini-62015, quando o roteiro também quebrou o recorde anterior, com 397.529 visitantes. O perfil de visitantes abrange casais e pequenos grupos familiares ou de amigos, que visitam a rota com carro próprio ou alugado. A maioria proveniente da grande Porto Alegre, seguida pelos estados de São Paulo, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro e grandes capitais. O aumento do número de estrangeiros também foi significativo. Alemanha, China, Rússia, EUA, França, Inglaterra, Argentina e Uruguai foram alguns dos países registrados. O período de maior fluxo de 2016 foi o de inverno – junho a agosto – quando a rota recebeu mais de 135 mil visitantes. O período de Vindima vem em seguida – janeiro a março – com mais de 87 mil visitantes.

A Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos realiza a medição do fluxo de visitantes no Vale dos Vinhedos desde 2001. Ao longo de 16 anos em que o fluxo é registrado, o Vale recebeu mais de 3 milhões de pessoas, que buscam além das visitas tradicionais que mostram o processo de elaboração do vinho, as experiências diferenciadas oferecidas pelos atrativos.

Atualmente o Vale está em plena Vindima 2017, quando espera receber cerca de 140 mil visitantes até março.

Fotos: Naiára Martini

2ª edição do Cálice de Estrelas acontece neste sábado, no Vale dos Vinhedos

calice

Evento enogastronômico ocorre dia 14 de janeiro na Casa do Filó, no Hotel Villa Michelon

A 2ª edição do Cálice de Estrelas ocorre neste sábado, 14 de janeiro, às 19 horas, na Casa do Filó junto ao Hotel Villa Michelon (RS 444, Km 18,9 – Estrada do Vinho – Vale dos Vinhedos – Bento Gonçalves). O evento enogastronômico valoriza a história da imigração trentina/italiana na Região e tem como atrativos a degustação de bebidas e comidas típicas, show de Angélica Rizzi, sessão de Cinema Italiano ao ar livre, tenda da saúde e muito mais.

Uma das atrações do evento será Angélica Rizzi, descendente de trentinos, divulga seu novo CD ‘Se Somos Nós’ e seu novo livro ‘Todos os amigos de Clarice’, que ganhou recentemente uma versão em italiano com o título Tutti Gli Amici di Clarice. Ela vai ser acompanhada pelo músico e produtor fonográfico Tony de Lucca. Na apresentação, Angélica canta canções de seu mais recente trabalho, releituras e músicas de seus CDS anteriores ‘Acústico Trentino’ e ‘Angélica Rizzi à italiana’.

Naiára Martini (4).jpg
Na primeira edição do evento, Soberanas do Vale dos Vinhedos estiveram homenageando as máscaras de Veneza. Elas estarão presentes também na segunda edição do evento, neste dia 14.

Outra atração é a exibição, às 22 horas, do filme italiano ‘La Notte di San Lorenzo’ (A noite de San Lorenzo) dos irmãos Paolo e Vittorio Taviani. A 2ª edição do Cálice de Estrelas fortalece novamente o laço de amizade, o ‘Gemellaggio’ firmado entre as famílias do Vale dos Vinhedos com os habitantes da cidade trentina de Isera no Norte da Itália. Um evento que ocorre em conjunto com a cidade irmã italiana, Isera, que também tem o seu ‘Calici di Stelle’, bem como com as demais cidade já gemelatas de Villa Lagarina, Rovereto, Terragnolo, Trambileno e Nogaredo.

O Cálice de Estrelas tem a realização da Trentino Promozioni e o apoio do Circolo Trentino di Bento Gonçalves, Hotel Villa Michelon, Aprovale e Associação Comunitária do Vale dos Vinhedos. O passaporte antecipado custa R$ 45,00 (até dia 13/01). Após, o valor será de R$ 55,00 podendo ser adquirido também no dia (limitados). O passaporte dá direito a uma taça personalizada e à degustação de vinhos e espumantes bem como atrações culturais. Opções gastronômicas à venda no local. Vinícolas e associações culturais também se fazem presentes com seus estandes e produtos.

Unindo a tradição à comunicação instantânea, fotos e materiais do evento serão compartilhados com as cidades do Gemellaggio, divulgando nossas produções vitivinícolas e as origens do Vale dos Vinhedos.

Programação:
19:00 Abertura com Sabragem com Firmino Splendor e convidados. Lançamento “Eco dos Vinhedos” conjunto de aquarelas e cartões postais dos 140 anos de Vale dos Vinhedos.
19:30 Escritora Angélica Rizzi lançando livro infantil em Italiano
20:00 Apresentação musical italiana Angélica Rizzi
21:30 Degustação e brindes as Estrelas, ao ar livre e comentada, pelo enólogo Firmino Splendor
22:00 Sessão de Cinema Italiano
Ao longo do evento degustação livre de vinhos e espumantes. Opções gastronômicas estarão a disposição (valores a parte do ingresso). Mesa de damas com vinho e venda de produtos regionais.

SERVIÇO
O que: 2° Cálice de Estrelas
Data: 14 de janeiro, sábado, a partir das 19 horas
Local: Casa do Filó, junto ao Hotel Villa Michelon, no Vale dos Vinhedos em Bento Gonçalves
Passaporte antecipado: R$ 45 por pessoa (até dia 13 de janeiro); APÓS, R$ 55 por pessoa.
Informações sobre o evento e passaportes: Com Sandro Giordani, através do telefone 54. 99142- 7711 ou pelo e-mail rentinopromozioni@gmail.com
Ingressos disponíveis também na Aprovale, Mondê Chocolates, Malhas Deyse, Anea Brasil e Circolo Trentino Bento Gonçalves.

Vindima no Vale dos Vinhedos: trabalho, dedicação e alegria na colheita da uva

cropped-02.jpgFoto: Acervo Miolo Wine Group

Chegamos ao verão, estação sinônimo de férias e descanso para muitos. No Vale dos Vinhedos é a estação da colheita literal de nossos frutos. É quando alcançamos o momento mais glorioso e também do trabalho mais árduo: a Vindima.

Durante o ano, produtores rurais, enólogos e suas equipes esforçam-se incansavelmente para que as videiras cumpram seus ciclos em cada estação. Outono, inverno e primavera têm papel fundamental no desenvolvimento das videiras e frutos. Neste processo evolutivo, a natureza e o homem se aliam para originar aquelas que são o motivo do Vale dos Vinhedos existir: as uvas.

O ápice de todo este esforço acontece no verão, quando as diversas variedades que originam vinhos de características únicas, são colhidas pela comunidade e pelos viticultores do Vale.

cropped-03.jpgFoto: Gilmar Gomes – Acervo Aprovale

Ao mesmo tempo que o trabalho de colheita é realizado, o espírito da Vindima toma conta dos nossos ares como que por magia: aromas adocicados pairam no ar, as paisagens mudam suas tonalidades alternando as cores das videiras e uvas com os chapéus de palha dos trabalhadores, a temperatura instiga a viver experiências junto a natureza e até mesmo o som dos tratores nos traz a nostalgia de tempos passados. A alegria toma conta até mesmo daqueles que não trabalham diretamente com a colheita: recepcionistas, garçons, camareiras, artesãos. Todos são contagiados pelo espírito de renovação da Vindima, em um mesmo clima de comemoração e de recomeço.

Por aqui, não apenas um ano novo se inicia. É uma nova safra, com novos e únicos vinhos e espumantes que trazem consigo a herança de nossos ancestrais, o aprendizado de nossos nonos, nonas, pais e mães refletidos nas milhares de caixas de uva e nas novas garrafas que descansarão nas adegas de nossas vinícolas.

A Vindima é o nosso melhor jeito de iniciar um novo ciclo, colhendo os frutos de nosso trabalho e oferecendo aos nossos visitantes o que melhor sabemos fazer: receber erguendo um brinde ao novo!

Programação especial para curtir a Vindima

m4d_9846Foto: Merlo Fotografia – Acervo Villa Michelon

Para aproveitar a Vindima em todos os seus aspectos, os atrativos do Vale dos Vinhedos oferecem atividades especiais no período de 07 de janeiro a 19 de março.

A Abertura Oficial da Vindima no Vale dos Vinhedos acontecerá no dia 28 de janeiro, no Hotel Villa Michelon. O evento contará com a bênção dos parreirais e dos vitivinicultores, colheita e pisa das uvas com as Soberanas do Vale dos Vinhedos e filó italiano de confraternização.

Durante o período, a colheita e pisa das uvas também poderá ser realizada em outros empreendimentos, em pacotes de um dia ou com hospedagem inclusa para um final de semana especial. Hotel & Spa do Vinho, Casa Valduga, Hotel Villa Michelon, Pousada Florenza e o Circolo Trentino di Bento Gonçalves oferecem esta atividade mediante reserva antecipada.

Eventos que unem gastronomia e vinho também são atração no período: o Winery & Food Cave de Pedra e o Cálice de Estrelas acontecem já no dia 14 de janeiro. E para os amantes do esporte, a Maratona do Vinho será realizada no dia 12 de fevereiro em meio às paisagens do Vale dos Vinhedos e da Estrada do Sabor. E a La Sfida Vindima 2017 será realizada nos dias 17, 18 e 19 de fevereiro, em três cidades – Pinto Bandeira, Garibaldi e Bento Gonçalves – sendo encerrada no Vale dos Vinhedos. Ambas estão com inscrições abertas.

maratona-do-vinhoFoto: Maratona do Vinho

Piqueniques em meio aos parreirais carregados de uvas são atração também na Vinhos Larentis e na Cave de Pedra. A atividade também pode ser realizada no Jardim Leopoldina.

Oficinas de drinks com vinhos e espumantes e mini curso sobre uvas e vinhos são oferecidos pela Cooperativa Vinícola Aurora. E as tradicionais oficinas gastronômicas com temas variados são ofertadas pelo Valle Rustico Restaurante.

A Pizzato Vinhas e Vinhos oferecerá a oportunidade de realização de degustações verticais, além de harmonizar tábuas de frios de sabores variados com seus vinhos. E o Wine Garden, nos jardins da Miolo Wine Group segue durante a Vindima, com inúmeros eventos especiais.

dsc_0093Foto: Acervo Vinhos Larentis

A Vinícola Dom Cândido levará seus visitantes para conhecer os parreirais e realizará degustação orientada durante o período. Cursos de degustação e cursos de harmonização na Miolo Wine Group e na Casa Valduga complementam a oferta de atrações para o período.

Venha vivenciar conosco as belezas da Vindima 2017. Esperamos você com uma série de atrações e atividades diferenciadas, de 07 de janeiro a 19 de março.

Programação completa em: www.valedosvinhedos.com.br ou www.valedosvinhedos.wordpress.com/vindimavaledosvinhedos

Vale dos Vinhedos recebe a La Sfida Vindima 2017

la-sfida

Corrida com 3 dias de prova é um verdadeiro desafio exclusivo para 300 guerreiros amantes do esporte e do turismo

Vindima é a colheita da uva. No Rio Grande do Sul ela acontece nos meses de fevereiro e março, sendo a época mais esperada do ano tanto para moradores locais, como para visitantes que desejam viver a experiência inesquecível de presenciar a colheita.

Assim, a La Sfida – Vindima 2017 busca o equilíbrio entre o desafio de vencer e a experiência de vivenciar os costumes da região onde é realizada, na época em que as uvas são colhidas para a elaboração de vinhos e espumantes.

Este será um evento esportivo-turístico exclusivo para 300 atletas e acompanhantes, com três dias de atividades em três cidades distintas: Pinto Bandeira, Garibaldi e Bento Gonçalves. As provas acontecerão nos dias 17, 18 e 19 de fevereiro de 2017, mas a programação abrange 4 dias e 3 noites com atividades esportivas e turísticas all inclusive.

Tudo começa com uma corrida matinal desafiadora (Corsa) no meio dos parreirais, estradas e cidades da região. Almoços típicos que retratam os costumes italianos, Passeio de Maria Fumaça e degustação de uvas e vinhos são algumas das atrações. Como gran finale, um brunch no domingo, junto às videiras de uma das maiores vinícolas do Vale dos Vinhedos.

As inscrições devem ser realizadas até o dia 15 de janeiro no site do evento, onde também está detalhada a programação do evento.

SERVIÇO
O que: La Sfida Vindima 2017
Quando: 17, 18 e 19 de fevereiro
Local: Pinto Bandeira, Garibaldi e Bento Gonçalves. Encerramento no Vale dos Vinhedos.
Distâncias: Corsa corta – 22,1Km em 3 dias / Corsa lunga – 42,8 Km em 3 dias
Realização: Multiprom Eventos Ltda
Valores: a partir de R$ 750,00 no Pacco individuale 1 – Somente corrida
Inscrições até 15 de janeiro: https://www.ativo.com/calendario/todos/america-do-sul/br/rs/bento-goncalves/outros/23768/la-sfida-vindima-2017

Maratona do Vinho é atração para os amantes de esporte no Vale dos Vinhedos

maratona-do-vinhoCerca de mil atletas são esperados pela organização, que promete também atividades culturais e gastronômicas para o dia do evento

O período da Vindima no Vale dos Vinhedos é esperado com muita ansiedade por todos. Enquanto a colheita da uva acontece, envolvendo a comunidade e os empreendedores locais, visitantes provenientes de diversas partes do Brasil podem desfrutar de inúmeras atrações nos meses de janeiro, fevereiro e março.

A Maratona do Vinho, que será realizada no dia 12 de fevereiro, é uma das atividades dedicadas aos amantes do esporte e da integração com a natureza. Serão 42.195 km de prova, com opções de maratona e revezamento em meio às paisagens do Vale dos Vinhedos e da Estrada do Sabor, rotas integradas no território de Bento Gonçalves e Garibaldi.

Além da corrida, a organização da prova promete uma estrutura que enaltece a região no ponto de largada e chegada. Degustações, apresentações culturais e opções gastronômicas serão oferecidas no Morro da Cruz, localizado na Linha Ceará da Graciema, ponto escolhido como a base da prova. Os atletas participantes recebem também um kit especial com medalha de participação, e os vencedores de cada categoria recebem troféu e o premio tradicional da Maratona: uma porcentagem de seu peso convertida em vinho.

Até o dia 31 de dezembro é possível realizar as inscrições com desconto especial. Basta acessar o link http://www.esportif.com.br/evento/vinho2017/index.php?id=200

Mais informações no site da Maratona: www.maratonadovinho.com.br

Vale dos Vinhedos é destaque no Vivino’s 2017 Wine Style Awards

giovani-nunes2Aplicativo leva em consideração o voto de seus usuários, que são mais de 2 milhões só no Brasil. Foto: Giovani Nunes

Os vinhos do Vale dos Vinhedos possuem características únicas, que aos poucos estão conquistando os paladares mais exigentes. Após diversos reconhecimentos em concursos nacionais e internacionais, de ser a única Denominação de Origem de Vinhos no Brasil e de conquistar novos mercados, inclusive o internacional, foi a vez dos vinhos do Vale dos Vinhedos serem destaque no meio virtual, no Vivino’s 2017 Wine Style Awards.

O Vivino é o maior aplicativo para vinhos no mundo. Nele, os mais de 20 milhões de usuários podem fotografar e classificar os vinhos degustados, atribuindo notas e comentários de acordo com suas experiências. Ao final de cada ano, o aplicativo divulga as listas dos vinhos mais pontuados em cada país onde o aplicativo tem atuação.

No Brasil são quatro as categorias com reconhecimento: Vinhos brasileiros de corte bordalês; Melhor Cabernet Sauvignon Brasileiro; Melhor Merlot Brasileiro; Melhor Espumante Brasileiro. O Vale dos Vinhedos e vinhos de vinícolas associadas a Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos – Aprovale, foram citados em todas as categorias.

O destaque fica por conta da Categoria Melhor Merlot, onde 7 de 10 vinhos são do Vale dos Vinhedos e de associados da Aprovale. O Merlot é a variedade ícone do Vale, sendo a principal da Denominação de Origem Vale dos Vinhedos para vinhos tintos.

Confira abaixo em que posição ficaram os vinhos do Vale dos Vinhedos em cada categoria:

Vinhos brasileiros de corte bordalês
Miolo Lote 43 Cabernet Sauvignon / Merlot safra 2005 – 1° lugar
Miolo Cuvée Giuseppe Merlot / Cabernet Sauvignon safra 2012 – 9° lugar

Melhor Cabernet Sauvignon Brasileiro
Casa Valduga Villa-Lobos Gran Reserva Cabernet Sauvignon safra 2010 – 1° lugar
Cooperativa Vinícola Aurora Millesimé Cabernet Sauvignon safra 2012 – 3° lugar
Miolo Quinta do Seival Estate Cabernet Sauvignon safra 2012 – 7° lugar
Angheben Vinho Tinto Seco Cabernet Sauvignon 2010 – 8° lugar

Melhor Merlot Brasileiro
Casa Valduga STORIA Gran Reserva Merlot safra 2010 – 2° lugar
Pizzato Vinhas e Vinhos DNA 99 Single Vineyard Merlot safra 2008 – 3° lugar
Lídio Carraro Grande Vindima Merlot safra 2006 – 5° lugar
Miolo Terroir Merlot safra 2011 – 6° lugar
Terragnolo Vale dos Vinhedos Top Merlot safra 2012 – 7° lugar
Dom Cândido Vale dos Vinhedos Documento Fino Tinto Seco Merlot safra 2011 – 9° lugar
Casa Valduga Leopoldina Terroir Merlot safra 2012 – 10° lugar

Melhor Espumante Brasileiro
Casa Valduga RSV Reserva Moscatel Espumante safra 2015 – 2° lugar
Casa Valduga 130 Brut Espumante safra 2014 – 4° lugar
Miolo Millésime Brut safra 2011 – 6° lugar
Casa Valduga RSV Reserva Blush Espumante safra 2012 – 9° lugar

Larentis abre reserva particular e celebra 15 anos com seleção de vinhos

noticias-download3911.jpgCaixa com seis rótulos emblemáticos que contam a história da vinícola já está disponível aos interessados. Foto de Eduardo Benini

Uma vinícola que completa 15 anos tem muitas histórias para contar. São 15 safras, cada uma com suas particularidades, que resultam em vinhos únicos, exclusivos. A Vinhos Larentis, do Vale dos Vinhedos, abriu sua reserva particular para compartilhar um pouco de suas melhores memórias, reunindo em uma caixa seis de seus mais emblemáticos vinhos. É uma seleção de seis vinhos que marcaram época nessa trajetória e que já estão disponíveis ao interessados. Ao abrir e degustar cada garrafa, apreciadores estarão celebrando junto com a vinícola os 15 anos de uma história familiar dedicada ao cultivo da uva e a arte de elaborar bons vinhos.

noticias-download3831

Na coleção, em uma caixa personalizada de madeira, constam o Mérito 2008, Mérito 2012, Merlot Sta Lúcia 2013, Merlot Reserva 2012, Cabernet Sauvignon Reserva 2012 e Teroldego 2013. No entanto, não se trata de uma simples coleção. Além de conter o Merlot single vineyard safra 2013 com Denominação de Origem Vale dos Vinhedos (DOVV), apresentado em outubro deste ano, quem comprar o kit levará uma preciosidade da família Larentis, o Mérito 2008, vinho lançado em comemoração aos 10 anos da vinícola e que está sendo disponibilizado da reserva particular da família para brindar os 15 anos.

André Larentis, enólogo da vinícola, explica que o kit é uma forma de estender a comemoração aos amantes do vinho brasileiro, porém avisa que a oferta é limitada. “Temos guardadas apenas 100 garrafas do Mérito 2008 e 50 delas serão liberadas novamente ao mercado, por meio do kit, para uma segunda comemoração. É uma iniciativa muito especial que busca oferecer uma experiência diferenciada aos nossos clientes”, explica André.

A coleção, com apenas 50 unidades, está sendo comercializada pela loja virtual no site http://www.larentis.com.br e no varejo da vinícola.

Sobre os vinhos:

Mérito 2008 – o primeiro assemblage foi lançado em comemoração aos 10 anos da Larentis, em 2011. Vinho ícone, exclusivo, elaborado a partir da união perfeita entre 60% de Merlot, 20% de Cabernet Sauvignon, 10% de Ancellotta e 10% de Marselan. Foram produzidas apenas mil garrafas de uma tiragem histórica e especial.

Mérito 2012 – passados quatro anos após o lançamento da primeira edição do Mérito é que a Larentis apresentou novamente seu vinho ícone, por meio de uvas harmoniosamente combinadas nas proporções 62% de Merlot, 15% de Cabernet Sauvignon, 15% de Marselan e 8% de Ancellotta, com uma excepcional fineza e complexidade aromática.

Merlot Reserva 2012 – esse é o vinho produzido com a uva mais emblemática da Larentis. Aliado a essa superioridade no terroir está a qualidade da safra 2012, que proporcionou a chegada de um vinho espetacular, simbólico e carregado de personalidade, após envelhecer em barricas de carvalho norte-americano por oito meses e descansar na cave, após engarrafado, por no mínimo um ano, antes de ser comercializado.

Cabernet Sauvignon Reserva 2012 – de intensos aromas de cassis, especiarias como noz moscada e pimenta preta, passas e ameixa seca, é um vinho encorpado, com bom equilíbrio e persistência na boca.

Teroldego Cepas Selecionadas 2013 – com aromas de frutas vermelhas maduras, leves notas de tostado, a linha é elaborada somente em safras propícias para a elaboração de vinhos longevos. Com origem de Trento, na Itália, a variedade ainda é pouco conhecida no Brasil.

Merlot Sta Lúcia 2013 com DOVV – São apenas 1.465 garrafas elaboradas a partir de uvas da parcela 1.1 que foi escolhida pelos aspectos técnicos do vinhedo. A excelente exposição solar, o solo de textura argilosa, o relevo ondulado e bem drenado proporcionaram condições ideais, que aliados aos cuidados e a dedicação da família Larentis resultaram em uvas de altíssima qualidade e, por consequência, em um vinho particular.

Serviço
Produto: Kit 15 anos Larentis
O que contém: 6 garrafas (Mérito 2008, Mérito 2012, Merlot Sta Lúcia 2013, Merlot Reserva 2012, Cabernet Sauvignon Reserva 2012, Teroldego 2013)
Quantidade disponível: 50 unidades
Valor: R$ 650
Contato: larentis@larentis.com.brr
Onde comprar: www.larentis.com.br – Loja Virtual